Entrar | Registo

Comer > Restaurantes

Restaurante Ferrugem

uma interpretação da comida portuguesa

No restaurante Ferrugem habita o orgulho de cozinhar com método e paixão. Um espaço único não apenas pela envolvência rural, mas pela experiência gastronómica que bons palatos podem desvendar. Aqui encontra uma linha de sabores, experiências, e saberes empíricos com os bons ingredientes portugueses, maioritariamente biológicos, que são envolvidos por momentos e apresentações concebidas pelo próprio chef Renato - que alia todo o seu talento de designer e chef, à busca pela perfeição de uma experiência gastronómica.

Iniciamos esta viagem com uma salada que realça a frescura de um piquenique bem português: o caviar de ovas de sardinha rodeado de rebentos verdes, tomate e espuma de azeite, regado com caviar de vinagre, que ergueu toda uma fasquia para o que daí se seguiria.

Continuamos, e surpresas das surpresas: o que é que um pastel de bacalhau com nata pode ter de surpreendente? Nada e tudo – o sabor deste prato, tão bem ostentado, é o de um bacalhau com nata tradicional, mas com uma leveza e textura que faz as delícias de qualquer pessoa.

Seguiu-se um aveludado caldo verde jade, que nos recorda o aroma dos agradáveis cozinhados da avó... mas reinventado. De seguida, foi servida uma tranche fresca de filete de robalo da costa grelhada, acompanhada de um risoto de açafrão – feito com o tradicional arroz carolino português, que tão bem se conhece à mesa portuguesa.

Seguiu-se o apogeu de um creme de favas com porco, que não se consegue descrever em tão limitado espaço, e a única coisa que podemos dizer é… visitem e provem.

Por fim, o remate ainda nos conseguiu maravilhar com um cremoso gelado de pudim Abade de Priscos, rodeado com granulado de toucinho-do-céu, humedecido com caramelo de laranja e coberto com folhas outonais de bolacha crocante.

Aqui, os olhos comem e a nossa imaginação respira de alegria ao som destes momentos, que são sempre bem acompanhados com as sugestões dos vinhos que o chef faz, todas elas harmonizadas com o prato.

Conversa puxa conversa, e à volta de uma mesa com o chef Renato nunca se está entediado, nem com pouco que dizer. Aqui sabe-se receber bem, e o sucesso deste local sente-se pela sua genuinidade, e não pelos inúmeros prémios que modestamente estão exibidos numa discreta parede.

Horário

Ter - Sab: 12:00 - 14:30, 20:00 - 22:30 | Dom: 12:00 - 14:30 | Encerrado: Jantar de domingo, segunda-feira, 1 Jan e 25 Dez